Você está aqui

E.E. Bibliotecária Maria Antonieta Ferraz

cidade: São Paulo, SP

Nº de alunos: 988

Mídias sociais

Percurso III > Tarefa 4

Voluntariado: Grupos de trabalho

"Um Aprendizado Significativo"

Setembro 13, 2016

Essa tarefa foi realizada em momentos diferentes por alguns alunos do Ensino Fundamental II e Ensino Médio: em nossa escola temos uma ação proposta pelo Grêmio Estudantil - ALUNO MONITOR - no qual alunos de séries seguintes ajudam os alunos novos (...) alunos oriundos da Rede Municipal de Ensino ou até mesmo alunos de escolas vizinhas do 5º ano do ciclo I. Os alunos voluntariamente ajudam em momentos de intervalos proporcionando atividades e brincadeiras diferenciadas: xadrez, danças, teatro, pesquisas, emprestimos de livros na biblioteca, música no intervalo, Ensaios dos projetos(...) entre outros. A aluna Rayara Karolayne fará um breve relato sobre sua experiência de ALUNA MONITORA VOLUNTÁRIA.

Estar rodeada de criança é muito bom, me faz lembra dor tempo onde tudo era uma descoberta, onde a responsabilidade era só arrumar os brinquedos que bagunçava. Quando comecei a passar algumas tardes com as crianças dos sextos anos, percebi que isso não mudou, elas ainda querem descobrir coisas. As perguntas que sempre ouvia eram se o ensino médio era legal?  Se as contas de matemática eram difíceis? Entre outras.

Em um intervalo fizemos uma roda de conversa e tratamos alguns assuntos que os próprios alunos escolhiam. O assunto que rendeu muitos comentários foi sobre as brincadeiras. Conforme eram proferidas incomodava o outro e nessa perspectiva organizei uma dinâmica muito simples entre eles e acabei obtendo um resultado positivo. A dinâmica cada um tinha que olhar para o seu colega ao lado e falar uma qualidade dele, se não o conhecia falar o que aparentava ser, se conhecia falar das qualidades que ele tinha.

Ao finalizar essa etapa solicitei aos alunos para se colocarem de pé e cada um deveria falar um pouco si. Falar do que gostava: filmes, desenhos, comida.  Após esse momento perguntei aos alunos o que acharam desse movimento/dinâmica – de  conhecer o outro? O que mais ouvi foi o pré-julgamento que era feito uns com os outros  (...)  mesmo sem se conhecerem. 

 Fiquei alguns dias sem voltar aos intervalos e quando voltei pude perceber uma grande diferença: a aluna que não falava com ninguém, hoje é rodeadas por amigos, o garoto novo que ninguém conhecia hoje é o primeiro a ser chamado para as brincadeiras. Naquele momento senti uma satisfação Enorme “Missão Cumprida”, vou levar algo para minha vida toda- “posso não mudar o mundo inteiro, mas sei que sou  um apoio para essa nova geração e posso também fazer a diferença.  RAYARA KAROLAYNE

Fotos