Você está aqui

EMEF Francisco Araújo

Guarapari, ES

EMEF Francisco Araújo

cidade: Guarapari, ES

Nº de alunos: 872

Percurso I > Tarefa 4

A história coletiva

Quem é Francisco Araújo?

Setembro 24, 2019

Todo mundo tem uma história de como seu nome foi escolhido. A nossa escola também! Foi pensando nisso que promovemos uma pesquisa com nossos alunos para juntos conhecerem um pouco sobre a sua própria história e sobre a história da personalidade que dá nome à nossa unidade escolar, nesse caso, o senhor Francisco Araújo.

E por estaremos em plena construção do nosso Projeto Político Pedagógico, nada mais justo do que, através desta pesquisa, dar autonomia para que os próprios alunos construam o texto que irá compor os aspectos históricos da Escola Francisco Araújo.

Depois de acurada e minuciosa pesquisa, nossos alunos apresentaram o seguinte texto:

QUEM É FRANCISCO?

Nascido na cidade de Guarapari em 03 de outubro de 1904, filho dos agricultores Joaquim Ferreira de Araújo e Inácia Ribeiro de Jesus, Francisco Ferreira de Araújo, ou simplesmente Francisco Araújo, como todos o conhece, foi criado no campo e posteriormente fixou residência no bairro Aldeia de Perocão.

Sua história se confunde com a história do bairro onde fixou residência, pois teve participação ativa no desenvolvimento do bairro onde viveu até o dia 24 de fevereiro de 1984, data de sua morte, no auge dos seus 79 anos de idade.

Pescador, casado com a professora Dária Gomes de Araújo, sua família herdou do senhor João Gomes Vieira, seu sogro, muitas terras na região, hoje, conhecida como bairro Perocão. Pai de onze filhos criou dignamente a todos, depositando-lhes amor e valores imprescindíveis para a vida e a cidadania.

Cabe ressaltar, aqui, que o crescimento populacional do bairro se deu em razão da chegada de novos moradores que migraram, a maioria, dos estados nordestinos para tentarem conquistar uma vida melhor no Sudeste, muitos deles, ao chegarem, foram contemplados pela generosidade e bondade do senhor Francisco Araújo, que, inúmeras vezes, enxergando a necessidade das pessoas que o procurava, doava terrenos para que pudessem construir suas casas e fixarem residência no bairro.

Além disso, a vocação docente de duas de suas filhas, Elza Araújo e Geni Araújo, e de sua esposa que, juntas, lecionaram em muitos momentos na região, contribuíram para o desenvolvimento educacional do bairro, inspirando as gerações seguintes até os dias de hoje, haja vista que uma sobrinha neta do senhor Francisco Araújo é docente em nossa escola.

Por este legado e por tudo que Francisco Araújo representa nada mais justo do que homenageá-lo como patrono de nossa escola, inspirando as nossas vidas com seus gestos de amor e empatia.

Fotos